Hospital América - Notícias
Hospital América
MENU

 

Ser certificado pela ONA é garantir qualidade e segurança em seus serviços prestados.

Adicionado em 09.04.2019 - Voltar para notícias

O Hospital América conquistou, em 2018, o selo de acreditação da metodologia ONA (Organização Nacional de Acreditação), nível I. A conquista foi possível devido aos trabalhos de melhorias contínuas realizados para atender os requisitos de segurança do paciente em todas as áreas de atividades na instituição, incluindo aspectos estruturais e assistenciais. O processo para se chegar à conquista de um selo de acreditação é árduo, a curto e longo prazo, pois implica revisão e melhorias de todos os processos, além de promover uma mudança de cultura e gestão, o que gera grande impacto na instituição. Buscar a conquista de um selo de qualidade mostra uma grande evolução da maturidade institucional, que visa atingir a excelência em gestão com a continuidade dos processos de melhoria, e, assim, buscar novos níveis de acreditação, bem como conquistar outras acreditações disponíveis. “Quando o hospital toma a decisão de entrar em um processo de obtenção de um selo de acreditação, além de demonstrar o comprometimento da instituição com as melhorias de processos e transparência, ele traz consigo uma notória preocupação e comprometimento com um quesito inquestionável e extremamente importante na assistência: a segurança do paciente. A conquista desses selos coroa de forma majestosa o trabalho realizado por cada um dos colaboradores de nossa instituição. Essa conquista só foi possível com o engajamento e comprometimento de todos os nossos colaboradores e a participação integral de nossa diretoria”, explica Thais Lidiane Oliveira, gerente geral do Hospital América de Mauá.

 

A metodologia de conquista de um selo de qualidade obriga a instituição a rever todos os seus processos, tanto os assistenciais como os administrativos. As mudanças são profundas e têm início no planejamento estratégico da instituição, com a revisão da sua missão, visão, valores, objetivos, metas, gerando planos de ações que determinem um novo rumo à organização, e, principalmente, o alinhamento estratégico de todas as áreas com foco em objetivos claros e disseminados para toda a instituição. “Dentre todos os processos de melhorias implementados, destacamos o desenvolvimento da gestão de custos na instituição, com um acompanhamento eficiente de nosso planejamento. Como resultado, alcançamos hoje um melhor controle financeiro, aliado a um melhor desempenho do hospital como um todo. A gestão de indicadores, sua análise crítica e ações de melhorias mostraram ser uma ferramenta extremamente rica no apoio à gestão. Todas essas mudanças impactaram positivamente no processo assistencial, agregando valor aos serviços prestados pelo Hospital América junto às operadoras, importantes clientes de uma instituição hospitalar”, comenta a gerente.

 

O desafio de entrar em um processo de acreditação voluntariamente demonstra a transparência e comprometimento da instituição.  A gestão transparente promove um maior engajamento dos colaboradores com o hospital, os detalhes administrativos são discutidos de maneira clara, afinal, a segurança do paciente depende de todos e não somente da equipe multiprofissional ou da diretoria. “Boa parte dos colaboradores de um hospital lidam diretamente com os clientes da instituição, que são os pacientes. Logo, em um hospital, caso não haja transparência na gestão, é possível que as equipes da assistência e do atendimento acabem tendo dificuldades para desempenhar suas funções, pois podem surgir questionamentos por parte dos pacientes e acompanhantes, ou problemas assistenciais, que só serão resolvidos adequadamente se os colaboradores tiverem conhecimento pleno de todos os aspectos relativos à maneira como a instituição gerencia seus processos. Desse modo, a identidade organizacional, as políticas institucionais e o planejamento estratégico devem estar claros e muito bem disseminados para todos os colaboradores da instituição”, finaliza.